A Copa do Mundo FIFA 2018 já está a todo vapor, mobilizando bilhões de pessoas ao redor do mundo. É o maior evento do planeta, sempre marcado por muita emoção, resultados surpreendentes e imagens inesquecíveis.

Aqui em Tiradentes / MG não é diferente: o verde e o amarelo tomaram as ruas na decoração e no vestuário de tiradentinos e turistas de todo o país. No texto de hoje, porém, não vamos falar sobre Tiradentes ou sobre o Brasil, mas sobre o país sede da Copa do Mundo e sobre diversas curiosidades relacionadas ao evento.

Imagens ilustrativas dos belíssimos estádios da Copa do Mundo 2018.

As cidades russas que receberão os jogos

A Rússia é o maior país do mundo, com uma área de 17 milhões de quilômetros quadrados. Seu território é tão extenso que se estende entre dois continentes: a Ásia setentrional e a Europa Oriental. Além da capital, Moscou, outras dez cidades russas terão o privilégio de sediar jogos da Copa do Mundo 2018. Conheça um pouquinho mais sobre elas:

Moscou: a capital russa será a sede do primeiro jogo da Copa e também da final. Além de ter o maior estádio da Copa, é a cidade mais populosa da Rússia e uma das mais populosas da Europa, com aproximadamente 12 milhões de habitantes. Duas curiosidades: Moscou é a megacidade mais ao norte na Terra e a segunda maior comunidade de milionários do mundo, segundo a revista Forbes.

São Petersburgo: famosa por seus monumentos que são considerados Patrimônio da Humanidade pela Unesco, São Petersburgo possui cerca de 5 milhões de habitantes. É considerada a metrópole mais “ocidental” da Rússia, bem como a capital cultural do país.

Cazã: com 1,5 milhão de habitantes, Cazã é a oitava cidade mais populosa do país e um grande centro cultural, comercial e industrial, além de ser um dos mais importantes focos da tradicional cultura tártara.

Ecaterimburgo: localizada na parte oriental dos Montes Urais, possui 1,4 milhão de habitantes. Ecaterimburgo é a cidade mais populosa e a capital do distrito federal de Ural. Rica em história, por ter sido palco de eventos importantes na Guerra Civil Russa.

Samara: Samara é uma cidade industrial, com 1,2 milhão de habitantes, e nela encontram-se uma das maiores estações ferroviárias e uma das maiores praças da Europa. É famosa também por sua cultura e perfil tecnológico, contando, inclusive, com um moderno centro aeroespacial.

Níjni Novgorod: localizada ao oeste da Rússia, conta com 1,3 milhão de habitantes, sendo a quinta maior cidade do país. A cidade é um importante centro económico, de transporte, científico, educacional e cultural na região.

Rostov do Don: com 1,2 milhão de habitantes, a cidade também é conhecida como “Porto dos 5 mares”, pois se comunica com as águas do Mar Cáspio, Báltico, Branco, Azov e Negro. Justamente por isso, uma de suas principais indústrias é a construção naval.

Volgogrado: 1 milhão de pessoas vivem em Volgogrado. Seu estádio tem uma forte semelhança com o “Ninho de Pássaros” de Pequim, que fez parte dos Jogos Olímpicos de 2008.

Kaliningrado: é uma cidade portuária com mais de 400 mil habitantes. Localizado na parte mais ocidental, entre a Lituânia e a Polônia, é a única das cidades-sede que não se situa dentro do território russo.

Sochi: famosa por possuir um clima mais ameno e até mesmo praias, algo não muito lembrado quando se fala em cidades russas, Sochi tem 364 mil habitantes e foi a sede dos Jogos Olímpicos de Inverno em 2014. É a maior cidade resort da Rússia.

Saransk: a menor cidade-sede da Copa do Mundo 2018 possui apenas 300 mil habitantes. Ainda assim, sua estrutura foi completamente organizada para receber inúmeros turistas e, é claro, as seleções de diversos países.


Zabivaka, o mascote da Copa do Mundo 2018!

Fatos interessantes sobre a Copa do Mundo FIFA 2018

  • Embora já tenha sido o país sede de grandes torneios e eventos esportivos, incluindo os Jogos Olímpicos, esta é a primeira vez que a Rússia recebe a Copa do Mundo em seu território. 
  • O mascote da Copa do Mundo 2018 é um lobo chamado Zabivaka. Seu nome significa “aquele que marca um gol” e foi escolhido por crianças russas através de uma votação realizada pela Internet.
  • A maioria dos estádios que receberão jogos da Copa do Mundo 2018 está localizada na parte ocidental da Rússia, coincidindo com as áreas de maior poder econômico no país. Das 11 cidades-sede, apenas Ecaterimburgo localiza-se na área asiática. 
  • Para estimular o turismo no período da Copa, a Rússia decidiu liberar a entrada no país para todos os torcedores estrangeiros que possuem ingressos, sem necessidade de obter nenhum tipo de visto. Foi a forma encontrada para facilitar o processo de participação de pessoas vindas de todos os cantos do planeta. 
  • Das 32 seleções participantes nesta edição, sete já foram campeãs: Brasil (5 títulos), Alemanha (4 títulos), Uruguai (2 títulos), Argentina (2 títulos), Espanha (1 título), França (1 título) e Inglaterra (1 título). A Itália (4 títulos), é uma das gigantes que ficou de fora da Copa do Mundo 2018. 
  • O Brasil é o único país a ter disputado todas as 21 edições do torneio, incluindo a edição atual, sendo também o maior campeão do torneio, com cinco títulos. Em seguida estão Itália e Alemanha, com quatro títulos, cada.

 

Quer garantir um fim de semana excelente aqui em Tiradentes, durante ou após a Copa? Entre em contato conosco para obter mais informações e fazer a sua reserva. 😉